…Raizes!

Março 13, 2008 at 2:24 pm Deixe um comentário

Ainda à uns tempos atrás andei a ver uma série de documentários sobre a busca das raízes….foi no DocLisboa e agora ando eu também a regressar finalmente a casa.

É bom voltar ao meu país, andar na rua e cheirar a Portugal, olhar a terra e ela ser castanha, escura, é bom deixar esquecidos a carteira e o telefone no balcão do café e vê-los lá ainda guardados pela senhora simpática que não precisa de me ver ruburizado de cólera a explicar que uma bica não é café cheio nem italiana….tira à primeira sem promenorização um café sólidamente encaixado até ao meio, exacto meio, da chavena e coberto por uma expessa camada de creme!….tudo normal, tudo perfeito

É bom achar-me entre risos numa praia da linha a recordar histórias de guerra dos catraios que fomos e dos pais que agora tentamos ser. É bom entrar numa reunião de trabalho com um tipo qualquer e ouvir….”Birro! Man!….não estavas em Angola?!”….”é bom ver-te, vamos fazer outra vez coisas giras!”, é bom ser primo duma data de gente com quem se fala, de ser amigo de quase toda gente e até é bom ter anticorpos com meio mundo….faz-nos sentir em casa!….de volta ás raízes!

O melhor de tudo é saber-me assim familiarizado com as coisas….trabalhar com gente que sabe trabalhar, ter interlocutores à altura das situações. Gente que é gente da minha gente!….que diabo, sabe bem como o caraças olhar para alguém e pensar”….este sabe o que faz, com este gajo estou descansado, quem me dera saber fazer aquilo como ele!”.

Mas não é o melhor o melhor mesmo é olhar para a estante e ver aqueles livros velhos que me ensinaram quase tudo, vê-los ali à espera que as minhas filhas cresçam, o que é o melhor é isso de saber que o cinema está mesmo ali ao virar da esquina e que ainda por cima está cheio de filmes, quase todos bons….é bom saber que recebo a newsletter  dos artistas unidos e posso decidir ir….e vou e vejo gente que conheço há já tanto tempo que  quase tenho vontade  de lhes dizer…” então meu?!….cá estamos né?!….como sempre, tu a fazer e eu a ver!”….o melhor de tudo é saber que vai haver feira do livro este ano e….pasme-se!…..eu estou cá para lá ir!

É bom regressar, regressar ao meu país, voltar à minha pátria, estar junto dos meus, desimigrar desse território interior solitário onde passei horas difíceis….estar de regresso ás raízes, à família aos amigos e conhecidos, de volta à paisagem, às ideias, aos ritmos e idiossincrasias, aos hábitos e às rupturas….estar de volta é devolver-me a mim próprio e isso é das melhores coisas que me lembro de ter experimentado!

Não quer isto dizer que Angola não teve tudo de bom, dizer isso era mentir, simplesmente mentir, quer dizer isto que escrevi apenas aquilo que está escrito. Nada substitui o nosso sítio de origem, todos temos um lugar a que podemos chamar casa…..este é o meu!

Entry filed under: Jornadas e descaminhos, posts da tuga, posts do curto-te_bué. Tags: .

…ora bém, vamos cá ver uma coisa. um monstro na sala!….caramelo em versão ternura e um país demasiado perverso até para os novos! – 1º

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Categorias

Blog Stats

  • 62,514 hits

%d bloggers like this: