…da felicidade em papel cochêt!!

Julho 27, 2007 at 10:43 am Deixe um comentário

…a sua relação com ela era aquilo que se poderia chamar de AGRAFISMO , viva numa felicidade bacoca e pensava todos os dias “…isto, enfim, poderia ser muitíssimo pior!”. Pois essa RESIGNIDADE diária fazia-lhe crer que não era um homem feliz, mas um homem de sorte.

Atingira com esse mecanismo aquilo que muitos, mais sábios, mais inteligentes e interessantes morrem sem alcançar.

Deixara de procurar fosse o que fosse!

Anúncios

Entry filed under: escrever por escrever, eu...e os dois leitores do blog!!, posts da tuga.

Solum bacter indirectum satisfatórium hábitos que não fizeram monges

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Categorias

Blog Stats

  • 64,771 hits

%d bloggers like this: